Divulgando e ensinando Kundalini Yoga desde 1996!

domingo, 19 de novembro de 2017

Novo vídeo no ar


Já esta no ar um novo vídeo no canal https://www.youtube.com/alegreviver da série Grandes Saberes Pequenas Ações: "Meditação - Acupuntura para o Cérebro".

Uma meditação para aliviar as tensões do stress e acalmar o cérebro. Encontre seu momento de tranquilidade e acompanhe o vídeo, seguindo as instruções de Guru Suroop Kaur.

Se você gostou inscreva-se em nosso canal.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Mantras para Cirurgia: Triplo Mantra, Ra Ma Da Sa e Guru Ram Das

Mantra para Cirurgia: Triplo Mantra, Ra Ma Da Sa e Guru Ram Das

by Ramdesh Kaur | Jul 9, 2011 | 
Fonte: Blog Spirit Voyage- www.spiritvoyage.com/blog
Traduzido por Lais Guru Suroop Kaur
(NT: todos os Cds e Livro citados encontram-se no site www.spiritvoyage.com. Alguns podem ser encontrados aqui no Brasil em www.yogagifts.com.br)

            Frequentemente as pessoas me perguntam sobre um mantra que poderia beneficiá-las quando irão fazer uma cirurgia. Há três mantras que eu recomendaria para cirurgias, apesar de que  qualquer mantra que trouxer elevação, carrega uma alta freqüência e, assim, certifique-se de estar atento a seu próprio sistema de orientação.

            Antes da cirurgia, um mantra para se conectar é o Triplo mantra. De acordo com a Mantrapedia de Spirit Voyage, “o Triplo Mantra limpa todos os tipos de obstáculos psíquicos e físicos em nossa vida diária. Ele protege contra acidentes de carro, de avião e outros acidentes. Ele elimina todas as vibrações, pensamentos, palavras e ações de oposição. Escutar ou entoar o Triplo Mantra fortalecerá seu campo magnético e afastará a negatividade. Há três partes neste mantra. A primeira parte o rodeará  com uma poderosa luz de proteção, a segunda parte removerá obstáculos de seu caminho espiritual e a terceira parte removerá todos os tipos de obstáculos de sua vida.” Fortalecer o campo magnético antes da cirurgia é uma maneira excepcional de prevenir de infecções e acidentes , rodeando com um campo protetor de luz branca. Há muitas belas versões do Triplo Mantra que poderia recomendar, inclusive aquelas de Nirinjan Kaur e Joseph Michael Levry Gurunam














Triplo Mantra por Nirinjan Kaur

            Depois da cirurgia, há dois mantras que poderiam ser usados. O primeiro é o mantra Ra Ma Da Sa, que traz cura profunda. Há muitas versões deste mantra poderoso que podem ser usadas para curá-lo ou a outras pessoas.  A versão de Snatam Kaur é bem conhecida , mas há outras versões incríveis como a do Mirabai Ceiba, Satkirin Kaur e Sada Sat Kaur, para citar algumas. Outro mantra, o mantra de Guru Ram Das,traz cura e proteção , através do espírito angélico de Guru Ram Das. (Os dois mantras invocam a energia de Guru Ram Das, uma diretamente e outra com o mantra bij ou semente de seu nome. Ra Ma Da Sa= RaM(a) DaS(a) – Ram Das). O mantra de Guru Ram Das é uma das músicas mais gravadas em Kundalini Yoga e, assim, você encontrará uma versão com a vibração correta para você. Os dois mantras são perfeitos para você entoar para outra pessoa também, se ela vai passar por uma cirurgia, para “manter a  alta freqüência”  e suavizar os medos dela.

 
  





 
 



       






Guru Ram Das por Snatam Kaur

     Tocar o mantra no ambiente de sua casa, antes e depois da cirurgia, ajudará a acelerar o processo de cura. Recitar o mantra 11 vezes, um pouco antes da cirurgia, não só fortalecerá seu campo magnético como também ajudará a suavizar e acalmar a mente.

Triplo Mantra:
Aad guray nameh, jugaad guray nameh, sat guray nameh, siri guru devay nameh.
Aad such, jugaad such, hai bhee such, Naanak hosee bhee such.
Aad such, jugaad such, hai bhai such, Naanak hosee bhai such.

Ra Ma Da Sa:
Ra Ma Da Sa Sa Say So Hung

Guru Ram Das:
Guru Guru Wahe guru Guru Ram Das Guru


** Um livro maravilhoso para ler sobre o processo de cura, incluindo muitas técnicas como mudanças na dieta e kriyas de yoga  é “The Divine Doctor” de Joseph Michael Levry Gurunam.


Culinária Terapêutica - Berinjela


Berinjela

       Neste artigo, Dr. Karta Purkh Singh Khalsa nos fala da berinjela como um dos melhores alimentos para as mulheres, baseado nos ensinamentos de Yogi Bhajan.
            Ao final, você encontrará uma receita para desfrutar de um prato saboroso, ao mesmo tempo em que cuida de sua saúde. 

Trechos do artigo : Um Guia para Yoginis para manter a Saúde Radiante

By Karta Purkh Singh Khalsa, Yogaraj, DN-C, RH
Tradução: Lais Guru Suroop Kaur

   
            Yoga torna a mulher forte e a ciência irmã do yoga, o Ayurveda , ajuda que ela permaneça assim.O objetivo do Ayurveda é nutrir , restaurar e equilibrar as funções do corpo que podem ser sobrecarregadas pelo desgaste da vida diária. Se não rejuvenescermos consistentemente, nossos tecidos tornam-se como folhas velhas que secam e são levadas pelo vento. As práticas de Ayurveda e yoga de Yogi Bhajan são direcionadas para fortalecimento, purificação e nutrição dos tecidos do corpo para trazer de volta a vibração e o brilho da juventude.

            Os programas do Ayurveda melhoram a saúde , produzem os melhores tecidos no corpo, reduzem a senilidade e outras doenças da velhice, prolongam a vida e ajudam a memória, a inteligência e a beleza. Geralmente, comparadas aos homens, as mulheres tem uma tendência um pouco mais fria ( pense naqueles pés frios embaixo das cobertas), além da pele e tecidos do corpo mais secos, ambas qualidades originadas das características do tattwa ar. Para se contrapor a estas tendências, o objetivo da mulher é permanecer aquecida, hidratada (tanto externa como internamente) e aterrada ao longo da vida.  

            Estilo de vida e remédios são as duas formas de rejuvenescimento em yoga. Atividades “quentes”, como paixão e raiva, fazem o corpo envelhecer mais rapidamente, assim, um comportamento calmo é um ponto importante para uma vida saudável. Para viver mais e ter melhor saúde, pratique meditação, fale a verdade, evite a raiva, evite conflito e fique longe de álcool e drogas. É disto que tratam os ensinamentos yóguicos. Quando falamos em remédios, os alimentos e as ervas preenchem a conta.         

   A dieta é o mais importante bloco construtor do Ayurveda para saúde a longo prazo. É segura e pode ser usada por qualquer pessoa como um autocuidado. Adicionar remédios fitoterápicos faz isto mais poderoso. As mulheres, em geral,  ficam melhor com uma dieta de alimentos, principalmente cozidos, fáceis de digerir e com alimentos mais úmidos e com um programa diário consistente de manutenção com ervas.         

   A dieta yóguica que promove o rejuvenescimento gira em torno de selecionar alimentos nutritivos, priorizar os grãos integrais, como trigo e arroz, além das sementes, nozes, laticínios e açúcares naturais, como o mel. Comidas mais cozidas (sopas) ajudarão. A dieta de uma mulher deveria ser equilibrada para conter todos os seis sabores: doce, ácido, salgado, picante, amargo e adstringente. De maneira geral, usar alimentos que são doces, leves e de fácil digestão. Ó, e não abuse do lado picante, porque um excesso deste sabor pode ser um pouco secante para a mulher. Use menos alimentos secos ou crus e inclua uma boa quantidade de óleo prensado a frio de boa qualidade (amêndoa, gergelim) e ghee. Dentro destas orientações básicas, adicione comidas potentes de sua escolha que a ajudem a permanecer no auge por toda a vida.

A Casa de Força Roxa
            A berinjela, conhecida no Ayurveda como “elabatu”, é um construtor de resistência, com rasa doce, adstringente e picante, que estimula a circulação. Um alimento de energia quente é excelente para a mulher que tem mais tendência ao frio – aquelas que deveriam usar mais prana. É um dos melhores alimentos para a saúde das mulheres. De fato, as berinjelas são tão boas para as mulheres que Yogi Bhajan as chamava “ovários de Deus”. Juntamente com a trindade de raízes (cebola, alho e gengibre), a berinjela é um afrodisíaco.

            Este alimento roxo energizador ajuda a regular as funções hormonais e menstruação atrasada. É um alimento diurético e pode ser útil no tratamento da TPM. A berinjela não tem sido muito estudada, assim o modo como ela funciona ainda não é claro, mas ela pode conter fitohormônios, como vem sendo descoberto em outros alimentos.

            Robyn Landis, em seu livro, Herbal Defense, fala sobre sua experiência de usar a berinjela para estimular naturalmente a menstruação que havia cessado há quase dois anos. Todavia, para amenorreia, é necessário comê-la regularmente – meia berinjela diariamente – para produzir resultados, e não é um bom alimento durante a gravidez. As berinjelas aumentam o apetite e, para algumas pessoas, produzem gases. Aumenta a força muscular e ajuda  eliminar pedras na vesícula. Pode também ser usada para asma, tosse e dor crônica.

            A berinjela é uma solanácea, da mesma família dos tomates e batatas, assim, algumas pessoas que têm problemas com as solanáceas podem ter que evitá-las, apesar de ser um pouco raro. De maneira geral, a berinjela não é compatível com iogurte, leite, melão e pepino.

Karta Purkh Singh Khalsa, Yogaraj, DN-C, RH, é o presidente da Associação
de Herbalistas Americanos. Ele foi conselheiro de Yogi Bhajan sobre Ayurveda por 32 anos. As Healing Cures de Yogi Bhajan é sua homenagem a Yogi Bhajan e a riqueza de informação que aprendeu deste Mestre. Karta Purkh já fez cerca de 150 conferências, escreveu cerca de 3.000 artigos sobre tópicos de saúde e é autor e editor de 30 livros sobre saúde, incluindo seu último,  The Way of Ayurvedic Herbs.

Para acessar :  integrative_education@msn.com
Karta Purkh Singh is available for personal phone consultations: satpavan1iiei@msn.com

Nota: estes ensinamentos derivam de conhecimentos antigos de Yoga e Ayurveda e não substituem os cuidados e tratamentos com profissionais de saúde. Principalmente, se estiver tomando medicamentos, consulte seu médico sobre possíveis interações medicamentosas.


Receita da Semana
Berinjela assada com pasta de tamarindo

Ingredientes
- 3 berinjelas médias com casca, orgânicas, cortadas em cubos grandes.
- 4 tomates descascados cortados em pedaços pequenos

- 3 colheres de azeite extra-virgem
- 2 colheres de shoyo
- 1 cebola cortada em pedaços fininhos
- ½ pimentão vermelho cortadinho
- sal a gosto
- 1 colher de orégano
- ½ colher de chá de pimenta do reino moída na hora ou molho de pimenta
- 1 colher de sopa de gengibre fresco cortado em pedaços bem pequenos
- 2 dentes de alho amassados
- 2 colheres de sopa bem cheias de pasta de tamarindo dissolvidas num copo de água.

Modo de preparar
            Lave bem as berinjelas e corte-as em cubos grandes. Coloque numa vasilha com água e sal para tirar o amargo e deixe por 20 minutos. Depois deste tempo, escorra a água e lave os cubos em água corrente e escorra novamente.

            Coloque numa assadeira e acrescente os outros ingredientes, deixando, por último, a pasta de tamarindo dissolvida em água. Mexa bem e coloque para assar em forno médio mais ou menos por 50 minutos. Se quiser, acrescente azeitonas.Sirva com acompanhamento de arroz branco ou como recheio de sanduíches ou torradas.

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Culinária Terapêutica - Maçã


Maçã

Lais Guru Suroop Kaur

                As frutas são alimentos limpadores do corpo. Ricas em vitaminas, minerais, fibras e grande quantidade de água, não podem faltar em nossa dieta.

                De acordo com o Ayurveda, as frutas, em geral, possuem uma potência fria, podendo ser doces, ácidas ou adstringentes, possuindo um vipaka (efeito pós-digestivo) doce.

                As frutas, em geral, não combinam bem com nenhum outro alimento. O ideal é consumi-las nos intervalos entre as refeições, ou no início das refeições. Elas são facilmente digeridas, por isto devem entrar primeiro no estômago. Se forem ingeridas após proteínas e gorduras, que são alimentos de digestão mais lenta, elas têm que aguardar no estômago e acabam fermentando, gerando gases e arrotos, sinais de uma digestão mal feita e, portanto, geradora de toxinas. Assim, fruta como sobremesa pode não ser uma boa pedida!

                Gosto muito do Ayurveda porque nos faz usar nosso raciocínio e bom senso para analisar o que devemos comer, considerando que somos seres únicos, que viveram histórias de vida diferentes, que estão vivendo em climas físicos e emocionais diferentes, em ciclos de vida diferentes. Portanto, é bom ter em mente que os ensinamentos nos dão um modelo, mas eles são apenas base para o aprendizado que fazemos pela auto-observação. Temos que lembrar que, em alimentação, o que é bom para uma pessoa, pode desequilibrar totalmente a outra. Assim, além de lembrar que esta seção de artigos não substitui os cuidados médicos, ressaltar que observar-se e usar a intuição e, depois, basear-se no conhecimento com experiência é uma ótima pedida.

                Existe um ditado que diz que, se comermos uma maçã por dia, evitaremos as visitas ao médico. “An apple a day, keep the doctor away”.

                A maçã, como as frutas em geral, tem a potência fria. Assim, os Vata devem consumi-las sempre cozidas, especialmente nas estações mais frias. Os Pitta devem evitar as variedades mais ácidas, mas podem consumir as doces, cruas, especialmente nas estações mais quentes. Os kapha podem consumir as maçãs em geral, com moderação. Acrescentar canela e/ou cardamomo às maçãs equilibra a sua potência fria, tornando-a bem aceita por todos os doshas. A canela e o cardamomo têm rasa (sabor) doce e picante e potência quente, sendo a canela um pouco mais quente. A qualidade quente beneficiará Vata e Kapha, O sabor picante beneficiará Kapha e o doce, Vata e Pitta.

                Nos ensinamentos yóguicos, encontramos que as maçãs limpam o organismo e purificam o sangue. A maçã contém antioxidantes como as vitaminas A, C e E, polifenóis e flavonóides (quercetina) e vitaminas do grupo B, minerais como o potássio, magnésio, fósforo, boro e cálcio e fibra solúvel (pectina). Se forem orgânicas, o ideal é consumir com a casca para obter todos os seus benefícios. Yogi Bhajan nos ensina que comer uma maçã pela manhã pode fortalecer o corpo, tirando a sensação de fraqueza. Algumas dicas para uso terapêutico caseiro das maçãs:

                - Maçãs cruas e raladas são boas para o trato digestivo.
                - Maçãs cozidas com um pouco de canela e casca de limão são calmantes para estômago irritado e preguiçoso.
                - Duas maçãs assadas, consumidas antes de dormir, podem evitar a constipação.
                - Em caso de diarreia, comer somente maçã ralada crua e água durante dois dias. Continuando com arroz e feijão moyashi sem vegetais, no terceiro dia para voltar à dieta normal aos poucos.

Água de maçã
Melhora o funcionamento do intestino e ajuda a digerir alimentos gordurosos

                - 2 litros de água
                - 1 maçã descascada (se não for orgânica) e fatiada
                - 1 pau de canela em pó

                Encha uma jarra com a água, coloque a maçã e a canela. Deixe descansar por ½ hora.

Doce de maçã sem açúcar
Excelente para os Vatas e para as estações frias

Ingredientes:
- 6 maçãs
- ½ xícara de passas escuras e sem caroço
- ¼ xícara de amêndoas sem casca, cortadas em duas metades (no comprimento)
- canela em pó a gosto

Modo de fazer:
1. Prepare uma bacia com água e sal.
2. Descasque as maçãs e corte em fatias de mais ou menos 1 cm e vá colocando na bacia com água e sal para que não escureçam.
3. Escorra a água e coloque as maçãs em uma panela (não é necessário enxaguar as maçãs, apenas escorrer).
4. Deixe cozinhar em fogo baixo até que amoleçam. Se precisar coloque um pouquinho de água; normalmente a maçã solta a água necessária para o cozimento.
5. Quando estiver quase pronta, acrescente as passas. Deixe cozinhar mais um pouco.
6. Desligue o fogo. Transfira para uma vasilha. Pulverize com canela em pó e coloque as amêndoas por cima.

                Guru Suroop Kaur é professora de Kundalini Yoga, certificada pelo KRI (Kundalini Research Institute) e membro da Teacher Training Academy do KRI, na categoria profissional.  É fundadora do Espaço Alegre Viver, em Ribeirão Preto (SP), um centro dedicado ao ensino de Kundalini Yoga e formação de novos professores. É também terapeuta de Ayurveda, de Jin Shin Jyutsu e de Reiki. Atualmente, é Presidente da AKYM (Associação Nacional de Professores de Kundalini Yoga do Brasil).

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Culinária Terapêutica - Gengibre



Culinária Terapêutica –  Gengibre
Por Lais Guru Suroop Kaur

                O gengibre tem sido usado como remédio e também como tempero há milhares de anos. Na culinária, ele dá um sabor especial aos pratos e, ao mesmo tempo, ajuda a manter a boa saúde.

                Do ponto de vista do Ayurveda, o gengibre é bom para os doshas Vata e Kapha e menos para Pitta. Com uma ressalva: para Vata, que possui a qualidade de secura, melhor usar o gengibre fresco; para os Kapha que, ao contrário, tem a qualidade de umidade, o ideal é usá-lo em pó. Para Pitta, que já é quente, o gengibre pode ser usado com moderação para fazer presente o sabor picante na comida, já que o uso de pimenta (principalmente no verão), não é recomendado para este dosha.

                O rasa (sabor) do gengibre é doce e picante, sua potência é quente e seu vipaka (efeito pós-digestivo) é doce. Por causa desta predominância do sabor doce, é que, apesar de quente, pode ainda ser usado por Pitta, já que este sabor equilibra Pitta.

                Efeitos benéficos sobre a saúde do ponto de vista do Ayurveda e de acordo com os ensinamentos yóguicos de Yogi Bhajan:

                - Ajuda a digestão: quando sentir que a sua digestão não está muito eficiente, com sensação de peso, empachamento ou mesmo gases, depois de comer, utilize o chá de gengibre, que está na receita abaixo, meia hora antes da refeição.

                - Ajuda o Sistema Respiratório, podendo ser útil no caso de gripes e tosses. Abaixo receita caseira para tosse. Para ajudar a amenizar os sintomas da gripe, utilize o chá de gengibre várias vezes ao dia.

            - Ajuda o Sistema Nervoso, permitindo que mais energia seja conduzida por ele. Acalma os nervos, quando estamos sob tensão. O chá de gengibre e o chá Yogi são bons para este efeito

                - Ajuda a aliviar cólicas no período menstrual. Para isto, o recomendado é o chá de gengibre que também ajuda a eliminar a fadiga e a sensação de debilidade deste período.

Nota: estes ensinamentos derivam de conhecimentos antigos de Yoga e Ayurveda e não substituem os cuidados e tratamentos com profissionais de saúde. Principalmente, se estiver tomando medicamentos, consulte seu médico sobre possíveis interações medicamentosas.

Chá de Gengibre

                Ferva 4-5 fatias de gengibre fresco em 3 copos de água. Se quiser, acrescente umas duas vagens de cardamomo, para melhor sabor. Quando começar ferver, abaixe o fogo e continue a fervura por 5 minutos. Desligue, deixe esfriar e, depois de esfriar, se desejar, acrescente um pouco de mel.




Para tosse seca

                Corte uma fatia de gengibre, coloque 1 pitada de sal sobre ela e mastigue por uns dois minutos.

Para tosse persistente e para os nervos

                Corte bastante gengibre fresco em pedaços pequenos. Refogue o gengibre em um pouco de ghee até que fique suave, sem deixar dourar ou queimar. Acrescente cúrcuma, sal e iogurte. Coma sobre um pedaço de pão, 1 vez ao dia, por 3 dias no mínimo.


Batatas Recheadas ( Potentes)
Receita de Yogi Bhajan

                Um prato excelente e saboroso, especialmente para os homens, para
aumentar a potência. Yogi Bhajan disse sobre a potência masculina: “ segundo antigo sistema yóguico de saúde, a potência não é questão somente de funcionamento sexual adequado. É isso e mais além. A potência é a capacidade interior de um homem de projetar para o externo sua criatividade e efetividade.” O gengibre dá a este prato um sabor inigualável.

Ingredientes:

- 4 batatas grandes para assar de casca grossa.
- ½ xícara de azeite
- 3 cebolas picadas
- ¼ xícara de gengibre, cortado fino
- 1 cabeça de alho picada
- 1 colher chá de pimenta do reino moída na hora
- 1 ½ colher de chá de cúrcuma
- 1 colher de chá de chile vermelho triturado
- 8 cravos inteiros
- sementes de 3 vagens de cardamomo
- ½ colher chá de canela em pó
- 1/3 xícara de molho de soja (shoyu)
- 250 g de queijo cottage
- 4 fatias de queijo cortadas ao meio
- 1 pimentão vermelho finamente picado
- ½ xícara de abacaxi, picado e escorrido

Modo de fazer

1. Asse as batatas durante 1 hora, até que estejam macias por dentro e douradas por fora.
2. Enquanto isso, esquente o azeite numa frigideira e frite a cebola e o gengibre. Acrescente o alho e as especiarias. Frite até que estejam douradas. Acrescente o molho de soja.
3. Corte as batatas no meio. Retire a parte interior das batatas, deixando ainda uma camada de batata fina.
4. Misture este miolo da batata com a fritada (passo 2) e acrescente queijo cottage.
5. Recheie as batatas com esta mistura.
6. Cubra com duas fatias de queijo e leve ao forno até que o queijo derreta e adquira uma cor dourada.
7. Enfeite com abacaxi e pimentão vermelho.


Rendimento: 4-8 porções

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Culinária Terapêutica - Cúrcuma



Culinária Terapêutica

Cúrcuma 
               
            A cúrcuma é uma raiz da qual é extraída um pó amarelo. No Brasil, ela é conhecida popularmente como açafrão-da-terra. Ela é um dos principais ingredientes do curry, dando-lhe a cor característica. No Ocidente, ela é usada para colorir a mostarda preparada e vendida comercialmente. A cúrcuma é um alimento que proporciona saúde e tem sido assim reconhecido na Índia há milhares de anos. Um estudo recente, realizado na Índia, mostrou que ela pode
ser valiosa para prevenir diabetes e câncer. Seu uso principal é como lubrificante para permitir a flexibilidade das articulações e, portanto, muito útil para praticantes de yoga. É também excelente para a pele e para as membranas mucosas, especialmente nos órgãos reprodutores femininos. Ela também limpa os intestinos.

                Segundo ensinamentos de Yogi Bhajan, sempre devemos cozinhar a cúrcuma em água para consumi-la,  ou fritá-la em óleo. Você pode cozinhar com água até criar uma pasta grossa e guardar na geladeira para usá-la em receitas, como Leite Dourado ou Tofu assado à moda indiana

. Pasta de Cúrcuma
(base para o preparo de outros pratos)

Ingredientes:
- 4 colheres sopa de cúrcuma
- 3 xícaras de chá de água

Modo de fazer:
Coloque no fogo 4 colheres de sopa de cúrcuma junto com 3 xícaras de água. Deixar cozinhar em fogo médio até formar uma pasta espessa. Mexa durante o cozimento (cuidado com a roupa, pois a cúrcuma mancha).  Quando esfriar, guarde na geladeira para usar nas receitas.
           

Leite Dourado

Ingredientes:
- 1 copo de leite
- 1 colher de café de pasta de cúrcuma
- canela
- mel
- 1 colher café de ghee

Modo de fazer:
            Esquente o leite. Coloque no liquidificador e bata com a cúrcuma e o ghee até formar uma espuma. Acrescente mel e canela a gosto.

Comentários:
            Excelente para problemas articulares ou para manter a flexibilidade. Para prevenção 1 copo por dia; se já estiver com problemas 2-3 copos por dia.

  
TOFU Assado à Moda Indiana

Ingredientes:
- 1 tofu de 500g
- 1 colher de sopa de azeite extra-virgem (prensado a frio)
- 2 colheres de sopa de shoyo ( opte pelas marcas sem glutamato monossódico)
- 1 colher de chá de cúrcuma (pó)
- 1 colher de chá rasa de oregano (esfregar na mão)
- 1 a 2 limões (grande 1 – pequeno 2)
- 3 a 5 dentes de alho (grande 3 – pequeno até 5)
- 1 pitada de sal
- 1 colher sopa de gengibre fresco picadinho
- 1 colher de cardomomo ( em pó)

Modo de fazer:
            Cortar o tofu em 6 fatias e ajeite-as numa assadeira ou pirex.
            À parte, misture todos os outros ingredientes numa vasilha funda.
            Regue então as fatias de tofu com o molho  e coloque para assar, até que seque bem o líquido.

            Para embalar depois de assado, deixe esfriar bem. Dura em geladeira mais ou menos 10 dias. Pode ser comido como uma mistura, ou como um recheio para sanduíches, tortas, panquecas, como ingrediente de saladas, etc.

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Culinária Terapêutica - Tâmaras

Culinária Terapêutica – ensinamentos de Yogi Bhajan

                Na base de nossa saúde estão os alimentos que consumimos. Yogi Bhajan ensinou exaustivamente sobre este assunto. Algumas receitas são de Yogi Bhajan , outras serão retiradas de nosso repertório, após anos de muito estudo e pesquisa em nutrição e sua função na saúde. Hoje vamos falar um
pouco sobre as tâmaras.

                Antes, vamos pontuar alguns fatores que são fundamentais no tema alimentos x saúde:
- escolha alimentos de alta qualidade, de preferência orgânicos, frescos e da estação
- prepare os alimentos com amor
- coma em ambientes harmônicos, evitando barulho e conversa ao se alimentar
- combine adequadamente os alimentos
- prefira cozinhar em casa, sempre que possível.
- coma somente quando tiver fome
- mastigue bem os alimentos
- coma sua maior refeição ao meio dia e evite comer à noite, depois do por-do-sol
- observe como os alimentos atuam sobre você e evite generalizações como tal alimento é ótimo para todas as pessoas.


Tâmaras

Resultado de imagem para tamaras secas                As tâmaras são alimentos nutritivos concentrados. São fáceis de digerir e são fonte de energia rápida. São ricas em fibras e, portanto, boas para constipação. Têm mais potássio que a banana. É recomendada para pessoas desnutridas.



Receita de Yogi Bhajan: Leite de tâmaras
Fonte: Comida Sana Salud Total
Tradução: Lais Guru Suroop Kaur

                O leite de tâmaras é uma bebida que dá energia e é reconstituinte.  É especialmente bom para recuperar-se de febres e doenças.

                - 1 copo de leite
                - 6 tâmaras

                Corte as tâmaras ao meio. Ferva o leite com as tâmaras em fogo baixo durante 20 minutos, mexendo de vez em quando. Depois deste tempo, coe e sirva.

Pasta de tâmaras

                A pasta de tâmaras pode ser usada como um excelente substituto para o açúcar nas receitas, como grande vantagem por causa de seu conteúdo de fibras e de seu sabor doce.

                Deixe as tâmaras de molho por 2 horas, ou até que fiquem macias. Coe e despreze a água do molho.

                Coloque as tâmaras no liquidificador e vá colocando água filtrada aos poucos, até virar uma pasta espessa. Colocar num recipiente de vidro e guardar na geladeira.


                ½ xícara de pasta de tâmaras equivale a 1 xícara de açúcar